Por favor ativar o JS

PGD identifica defeitos genéticos em embriões antes da sua implantação no útero

Publicado há 4 anos atrás

Diagnóstico genético pré-implantacional (PGD, sigla em inglês) é o nome de um procedimento usado antes da implantação para ajudar a identificar defeitos genéticos em embriões criados por fertilização in vitro, a fim de prevenir que certas doenças ou distúrbios sejam passadas para a criança.

ava

Tudo começa com o processo normal de fertilização in vitro, que inclui a recuperação do óvulo e a fertilização em laboratório. O PGD envolve as seguintes etapas: remoção de células a partir do embrião, avaliação para investigar alguma doença genética e implantação dos embriões livres de problemas genéticos de volta no útero.

O PGD pode beneficiar qualquer casal em risco de transmitir uma doença genética ou condição, entre eles, os portadores de doenças genéticas e distúrbios cromossômicos, além das mulheres com mais de 35 anos ou com casos recorrentes de abortos espontâneos e dificuldade para engravidar.

Os casais interessados no diagnóstico genético pré-implantacional deve conversar  com o seu médico, conselheiro genético  ou um especialista em reprodução humana a fim de receber a melhor orientação para o seu caso.

#Compartilhe nossas publicações